Desde 17 de abril de 2012, quando entrou em vigor a Resolução Normativa ANEEL no 482/2012, o consumidor brasileiro pode gerar sua própria energia elétrica a partir de fontes renováveis ou cogeração qualificada e inclusive fornecer o excedente para a rede de distribuição de sua localidade. Trata-se da micro e da minigeração distribuída de energia elétrica, inovações que podem aliar economia financeira, consciência socioambiental e autossustentabilidade.

Com o objetivo de reduzir os custos e tempo para a conexão da microgeração e minigeração; compatibilizar o Sistema de Compensação de Energia Elétrica com as Condições Gerais de Fornecimento (Resolução Normativa no 414/2010); aumentar o público alvo; e melhorar as informações na fatura, a ANEEL publicou a Resolução Normativa no 687/2015 revisando a Resolução Normativa no 482/2012.

Para enviar documentos, solicitar informações ou acompanhar as solicitações de acesso de Micro e Minigeradores ao sistema elétrico da CERGAL, é necessário enviar e-mail para a geracaodistribuida@cergal.com.br.

O formulário com as informações básicas e seus anexos obrigatórios, de acordo com o tipo de geração, sendo:

FECO-G-03 - Conexxão de Mini e Microgeração Distribuí­da CERGAL.pdf Formulário de solicitação de acesso para Micro geração Distribuída com potencia inferior a 10 kw Formulário de solicitação de acesso para Micro geração Distribuída com potencia superior a 10 kw Formulário de solicitação de acesso Formulário para Cadastro de Unidades Consumidoras participantes do Sistema de Compensação

As respostas sobre solicitações de serviços e esclarecimentos serão enviadas diretamente para o e-mail do consumidor, portanto, mantenha os dados cadastrais atualizados junto a CERGAL para evitar eventuais transtornos.

ANEEL - Informações Técnicas Micro e Minigeração Distribuida Resolução Normativa n° 482/2012 - ANEEL PRODIST - Módulo 3 FECO-G-03: Micro e Mini geração Distribuída